Page language:
Not specified

Visita do Embaixador da União Europeia no Brasil à Bahia

27.01.2022
Brussels

Visita do Embaixador da União Europeia no Brasil à Bahia por ocasião da liberação de R$ 6.3 milhões (1 milhão de euros) em fundos de emergência da União Europeia para apoiar a população brasileira afetada por inundações

Brasil: Visita do Embaixador da União Europeia no Brasil à Bahia por ocasião da liberação de R$ 6.3 milhões (1 milhão de euros) em fundos de emergência da União Europeia para apoiar a população brasileira afetada por inundações

Brasília, 27 de janeiro de 2022

 

O Embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez, realiza entre os dias 31 de janeiro e 1º de fevereiro (segunda-feira a terça-feira), visitas à áreas de Ilhéus e Itabuna, na Bahia, por ocasião  dos fundos emergências mobilizados pela Comissão Europeia para apoiar na resposta  às consequências das inundações no Brasil. A visita também marca a  solidariedade com  o Estado e os cidadãos da Bahia pelo ocorrido em decorrência das fortes enchentes de dezembro de 2021.

O projeto  abrange os estados da Bahia e de Minas Gerais,  tendo como objetivo  providenciar  necessidades urgentes de aproximadamente 24.000 (vinte e quato mil) pessoas vulneráveis ​​afetadas pelas inundações através de apoio a 1.000 (hum mil) famílias. O apoio consiste em assistência multifuncional em dinheiro para cobrir múltiplas necessidades (pagamento de aluguel, alimentação, material de construção e itens básicos não alimentares, bem como acesso a saúde e educação).  As famílias receberão um total de 500 euros em uma única prestação.

O projeto contribuirá também para a melhoria de pelo menos três instalações de abrigos de emergência nas áreas mais afetadas que deverão ser mantidas a médio prazo. As ações incluem a compra de itens básicos, como camas e colchões, mas também a melhoria das infraestruturas de saneamento e cozinha. Melhorará o acesso às medidas de proteção para grupos que tendem a estar mais expostos a riscos na sequência de tais perigos (mulheres, crianças, idosos e pessoas com deficiência).

Esses grupos de beneficiários são selecionados com base em suas necessidades e serão priorizados:

1. Mulheres chefes de família.

2. Domicílios com crianças, adolescentes, idosos e pessoas com deficiência e comorbidades.

3. Domicílios sem renda ou de baixa renda, segundo critérios do sistema nacional de coleta de dados e identificação de domicílios vulneráveis assistidos por programas federais de assistência social (CadÚnico).

4. Pessoas residentes em periferias ou centros urbanos, bem como comunidades rurais e ribeirinhas.

5. Comunidades indígenas e quilombolas.

6. Agricultores de pequena escala que perderam seus meios de subsistência.

7. Pessoas vulneráveis residentes em municípios em que foi declarado estado de emergência.

8. Pessoas desabrigadas ou deslocadas, que estão recebendo subsídios de aluguel social.

A missão à Bahia é coordenada em parceria com a Direção-Geral da Protecção Civil Europeia e Operações de Ajuda Humanitária da Comissão Europeia, Programa Brasil da Cáritas Suíça e a Delegação da União Europeia no Brasil.

No dia 31 de janeiro, o embaixador da União Europeia possui encontros institucionais com o Estado da Bahia e autoridades municipais. No mesmo dia, na parte da tarde, dirige-se a duas comunidades afetadas pelas enchentes em Ilhéus: Banco da Vitória e Vila Cachoeira.

No dia 1º de fevereiro, o embaixador da União Europeia inicia o dia com viagem à cidade de Itabuna, com reunião com o poder público municipal de Itabuna e Itajuípe e outras entidades envolvidas na resposta emergencial.

Efetuará visita à comunidades afetadas e abrigos emergenciais em Itabuna, retornando à Brasília no mesmo dia.

Ao término da missão, teremos previsão de um encontro informal com a imprensa.

Para maiores informações:  

Factsheet South America

Factsheet Emergency Toolbox

Comunicado de Imprensa de 14/01/2022

 
Contato:
 
Humberto NETTO – Press Officer da Delegação da União Europeia no Brasil
Mob +55 61 98136-6090/ humberto.netto@eeas.europa.eu