Reunião do Fórum das Mulheres Líderes Afegãs

Em 19 e 20 de maio, a Embaixadora da UE para o Género e a Diversidade, Stella Ronner‑Grubačić, e o Enviado Especial da União Europeia, Tomas Niklasson, facilitaram a realização da segunda reunião do Fórum das Mulheres Líderes afegãs (AWLF). Quase 60 mulheres afegãs participaram no Fórum, tendo 18 delas participado presencialmente e outras em linha, incluindo a partir do Afeganistão. O Fórum constitui a continuação de um diálogo estruturado para assegurar a inclusão das mulheres afegãs no diálogo político sobre o futuro do Afeganistão.

Afghan Women Leaders Forum

Pode consultar aqui a declaração do Fórum das Mulheres Líderes Afegãs após a segunda reunião.

As mulheres afegãs participantes representam vários segmentos da sociedade, designadamente (ex) líderes políticas, diretoras de empresas e empresárias, ativistas, advogadas, jornalistas e representantes dos movimentos femininos afegãos, tanto dentro como fora do Afeganistão.

Os participantes discutiram com grande preocupação a situação socioeconómica no Afeganistão e a redução do espaço para os direitos das mulheres, incluindo as últimas decisões dos talibãs relativas à restrição ao vestuário e à liberdade de circulação, que irão isolar ainda mais as mulheres nas suas casas e impedi-las de participar em pé de igualdade com os homens na sociedade afegã.

Durante a reunião, a AWLF dialogou com o Relator Especial das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Richard Bennett, que informou os participantes das suas primeiras conclusões a meio da sua primeira missão de avaliação no Afeganistão. Richard Bennett manifestou a sua disponibilidade para criar um mecanismo de ligação sistemática com o Fórum das Mulheres Líderes Afegãs.

A próxima reunião do Fórum deverá realizar-se no início de setembro.